Evento Neutro
Prêmio Caio Sustentabilidade

Prêmio Caio 13ª Edição

Case: MADRID FUSIÓN
Candidato: Panda Promoções e Eventos
Cliente: Secretaria de Turismo de Minas Gerais
Segmento: Eventos
Estado: MG
TROFÉU BRADESCO CARTÕES
Categoria: Evento Corporativo
 
Capa Apresentação Conteúdo Apresentação de inovações tecnológicas e estratégias indicando Desafios e Soluções Retorno sobre investimento, geração de negócios e outros indicadores econômicos

O Madrid Fusión (www.madridfusion.net/index.php) é o maior encontro gastronômico do mundo, que anualmente reúne o que há de melhor na gastronomia mundial. Assim, a cada ano a organização do evento convida um país para apresentar o melhor de sua culinária. Os objetivos do Madrid Fusión incluem a apresentação de todas as novas tendências culinárias e, ao mesmo tempo, o resgate e a valorização da cultura milenar de cada país, com suas tradições gastronômicas. O evento provoca o debate internacional sobre todos os temas relacionados à gastronomia global de forma holística como, por exemplo, inovações tecnológicas, indústria de comestíveis, debates, indústria de bebidas que compõem a gastronomia com apresentações gastronômicas
transmitidas para vários países ao vivo e em forma de documentário.

O sucesso de Minas Gerais representando o Brasil na 11ª edição do Madrid Fusión, maior evento de gastronomia do mundo, realizado de 21 a 23 de janeiro, em Madrid, na Espanha, envolveu o talento e o trabalho de muita gente boa de serviço.

O governo de Minas, com a liderança da Setur e o apoio das entidades Sebrae, Faemg, Fecomércio, Sesc, Senac, Fiemg, Sesi e Instituto Estrada Real, viabilizou a participação do estado de Minas Gerais nesse grande evento, que contou com 100 expositores de vários países.

A participação de Minas Gerais no Madrid Fusión foi coroada com a presença do Governador Antônio Anastasia, dos secretários de Estado de Turismo, de Cultura e de Planejamento e Gestão, respectivamente, Agostinho Patrus, Eliane Parreiras, Renata Vilhena, e de autoridades espanholas, destacadamente, o Rei Juan Carlos. Em três dias de evento, com mais de 2.000 pessoas circulando, por dia, pela feira, o Madrid Fusión teve cobertura ampla de 782 jornalistas da imprensa local e internacional, e foi uma grande oportunidade para a divulgação da gastronomia de Minas Gerais no cenário mundial.

Tamanha foi a repercussão do evento realizado pela Secretaria de Turismo de Minas Gerais (Setur) e seus parceiros e organizado pela Panda, que hoje o slogan usado pelo governo mineiro é: “Minas, o estado da gastronomia”.

Galeria de imagens
     

 

Minas brilha mais no Madrid Fusión com o suporte da Panda

Na participação de Minas Gerais representando o Brasil na 11ª edição do Madrid Fusión, 15 chefs mineiros e o premiado chef paulista Alex Atala se destacaram com suas receitas e seu conhecimento diante de um público de 500 congressistas. A Panda Promoções e Eventos contribuiu, com sua experiência e seu trabalho, para que Minas e os mineiros brilhassem mais.

A comitiva mineira apresentou receitas inéditas, criadas a partir de ingredientes tradicionais da nossa culinária e que foram especialmente enviados para o evento na Espanha: queijo canastra, jabuticaba, mandioca, pequi, além de produtos tradicionais como o pão de queijo, a cachaça, o café, dentre outros. Para que toda a logística de envio desses itens especiais funcionasse, foi fundamental o trabalho da Panda, empresa que vem, há mais de 30 anos, atuando em grandes eventos nacionais e internacionais.

Além da supervisão da logística de exportação dos produtos, a Panda foi o braço operacional do governo de Minas, planejando e executando, junto com a Setur e os outros parceiros, todas as ações necessárias à excelente participação mineira no Madrid Fusión.

A estratégia da participação no evento fundamentou-se na ideia de reinventar as receitas do passado, seguindo técnicas contemporâneas, e reafirmando o posicionamento de Minas Gerais como polo gastronômico.

Os brindes oferecidos às autoridades locais também traduziram esse conceito: produtos mineiros como minigarrafas de cachaça, geleia de mel com cachaça e de pimenta, sachês de café moído, além de flash-cards contendo vídeos e imagens do estado, produzidos pelas entidades parceiras no evento. Foram produzidos e distribuídos 1.000 kits brinde VIP. Além de 5.000 Guias 4 Rodas Edição Minas Gerais em espanhol, 5.000 brindes sacola PET e 1.000 pins “Minas Gerais: El Estado de La Gastronomía”.

Minas Gerais marcou presença com dois estandes especialmente projetados para o evento e para os quais a Panda contou com a parceria do escritório de arquitetura Objeto Design e da Superintendência de Museus e Artes Visuais de Minas Gerais. O primeiro, com objetivo institucional, teve programação visual que destacava a localização geográfica de Minas e da Espanha no mapa-múndi.

O segundo estande, planejado para degustação dos nossos tradicionais produtos - caipirinhas, pão de queijo, café coado na hora, castanha do barú, queijos, dentre outros quitutes mineiros -, compunha um ambiente semelhante a uma cozinha, composta por uma vitrine para exposição dos itens exportados daqui diretamente para o evento.

Também com a assinatura da Panda e a parceria da empresa de consultoria gastronômica Síbaris, o coquetel de abertura do Madrid Fusión, no imponente Casino de Madrid, reuniu com sucesso todos os chefs mineiros e mais de 300 convidados. O cardápio oferecido foi elaborado a partir de elementos puramente regionais, como bolinho de mandioca, cuscuz de canjiquinha, papada de porco, pastel de angu, sorvete de queijo com goiabada, doces cristalizados e café.

Todas as atividades propostas foram realizadas conforme planejado, resultando na satisfação das autoridades e do público presentes ao evento e alcançando grande repercussão na mídia impressa, com 839 citações em notas e matérias. Uma viagem de visita técnica 40 dias antes do evento foi fundamental para o detalhamento final do projeto. A participação da comitiva mineira em Madrid contribuiu para evidenciar os valores culturais e naturais de nosso estado, especialmente no que diz respeito à atividade gastronômica. No segmento do turismo, o sucesso da participação de Minas apresentou e fortaleceu o estado como alternativa para negócios e lazer no Brasil.

Galeria de imagens
   

 

Com relação ao uso de inovações tecnológicas no desenvolvimento e na execução do projeto para a participação de Minas Gerais no evento, apresenta-se a seguir o detalhamento do uso da tecnologia de videowall e floorwall nos estandes de Minas Gerais no Madrid Fusión:

Para o estande institucional foi desenhado um sistema de videowall para funcionar como uma cenografia animada para o espaço. O videowall consistiu em um sistema de 16 monitores encaixados a uma das paredes do estande de 50m2, conectados a um computador e integrados por um software. O conteúdo exibido foi composto por imagens de Minas Gerais que, em sequência, divulgavam os maiores atrativos do estado. Na tela estiveram em exibição cores e formas marcantes características dos pratos típicos mineiros intercaladas com paisagens naturais e detalhes da arquitetura, artesanato, pontos turísticos e ícones da cultura de Minas.

Utilizando tecnologia similar, instalamos um sistema de floorwall, também composto por 16 monitores de TVs fixos no piso elevado do estande. O objetivo foi exibir imagens de rios, calçamento de pedra presentes nos cenários das cidades históricas, além de piso de terra rica em minério que marca muitas trilhas naturais de Minas.

Ambos os conteúdos foram produzidos a partir da técnica motion design, seguida de edição e finalização. Dessa forma o visitante tinha a sensação de viajar pelos quatro cantos de Minas Gerais, em um desafio aos sentidos. Esse estande foi um dos pontos de maior destaque em toda a feira do Madrid Fusión.

Galeria de imagens
       

 

Pela própria natureza do evento, a participação de Minas Gerais representando o Brasil no Madrid Fusión 2013 não teve o intuito de fechar negócios, embora alguns empresários tenham enviado amostras de seus produtos, aproveitando a oportunidade apresentada por essa “vitrine” internacional. A participação no evento voltou-se para a divulgação da cultura e da gastronomia mineiras e foram estabelecidos alguns contatos internacionais que potencializaram negócios futuros para algumas empresas, ainda sem efetivação.

Não há dados econômicos mensurados pós-evento, pois o resultado de uma ação
como essa é, a princípio, conceitual e subjetivo, principalmente quando pretende demonstrar que a imagem de Minas foi reforçada e/ou ampliada no exterior a partir de
todo o trabalho que foi feito com excelência para valorizar a participação do estado - e do País - no Madrid Fusión.

Depois de onze edições anuais, o Madrid Fusión já se firmou como um grande palco mundial da gastronomia. A edição de 2013 apresentou números bastante significativos: 86 palestrantes, 500 congressistas, 7.125 pessoas visitando os estandes ao longo de três dias de evento, 100 expositores de várias partes do mundo, 782 jornalistas espanhóis e estrangeiros credenciados, 117.618 visitas ao site oficial do evento durante o mês de janeiro, 839 menções na imprensa escrita espanhola e internacional, 3h45 de mídia televisiva.

As matérias publicadas na mídia impressa internacional evidenciaram a magnitude e a diversidade apresentadas pelo Madrid Fusión 2013 e registraram a participação do Brasil como país especialmente convidado. Na mídia brasileira, o destaque foi dado à forte presença do Brasil no evento a partir da representação de Minas Gerais. Expressões como “Brasil mostra a cara em Madri”, “País representado no evento por uma delegação encorpada” e “Minas põe a mesa” deram o tom das reportagens nacionais sobre a 11ª edição do Madrid Fusión. Na mídia televisiva, entre 29 de dezembro de 2012 e 4 de janeiro de 2013, as 65 notas e matérias exibidas pelas emissoras de TV espanholas atingiram 49.925.000 telespectadores.

Os dados apresentados foram relevantes e satisfatórios para os parceiros envolvidos no projeto: Governo de Minas (SETUR-MG, SEC-MG, SECOM-MG, Governadoria), (Sistema Fecomércio – SENAC, SESC), SEBRAE, FAEMG, Sistema Fiemg/Instituto Estrada Real, Exporta-Minas, Jornal Estado de Minas, Copasa-Aguas Minerais.

Na perspectiva da SETUR-MG, por exemplo, a ação considerou destacadamente o fato de que, conforme o Plano Aquarela 2020 do Ministério do Turismo, o mercado espanhol é prioritário para o Brasil e para Minas Gerais, considerando o crescente afluxo de turistas espanhóis nos últimos anos. Assim, a oportunidade de promover nossos valores culturais com ênfase na gastronomia torna-se providencial num evento de tamanha dimensão.

Considerando o escopo do Projeto “Promoção de Minas Gerais na Espanha - Minas Gerais: O Estado da Gastronomia”, a grande visibilidade do evento, irradiada para os participantes, torna-se mais um indicador do sucesso da participação de Minas e do Brasil no Madrid Fusión 2013.

Galeria de imagens

 

 
  • contato: (11) 2538-4156 - (11) 7377-8878