Evento Neutro
Prêmio Caio Sustentabilidade

Prêmio Caio 13ª Edição

Case: 10TH WORLD CONGRESS ON COMPUTATIONAL MECHANICS
Candidato: SOMA
Cliente: Paulo de Mattos Pimenta
Segmento: Eventos
Estado: SP
TROFÉU LEVITATUR
Categoria: Congresso Internacional
 
Capa Apresentação Conteúdo Apresentação de inovações tecnológicas e estratégias indicando Desafios e Soluções Retorno sobre investimento, geração de negócios e outros indicadores econômicos
8 a 13 de julho de 2012 - Hotel Transamérica – São Paulo – SP

A SOMA, empresa organizadora de eventos, sediada em São Paulo,
atua em todo Brasil há 37 anos, com planejamento, organização e execução de eventos científicos, técnicos, corporativos, sociais e esportivos.
Iniciou os trabalhos do WCCM em fevereiro de 2009, sendo responsável pelo planejamento, organização, divulgação, comercialização, captação de recursos e pelo programa social.

A Escola Politécnica da Universidade de São Paulo foi a entidade promotora, com a copromoção da Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial – FIPAI.

O WCCM é um congresso científico, de grande porte e foi realizado pela primeira vez no Brasil. As edições anteriores foram em Austin (1986), Stuttgart (1990), Tóquio (1994), Buenos Aires (1998), Viena (2002), Pequim (2004), Los Angeles (2006), Veneza (2008) e Sydney (2010).

O objetivo era reunir profissionais, pesquisadores, professores e estudantes atuantes na Mecânica Computacional para promover um intercâmbio profícuo de idéias e uma atualização dos conhecimentos e desenvolvimentos em várias partes do globo.Tinha como meta a composição de um temário que abrangesse todas as áreas da Engenharia, para atingir o maior número de congressistas, envolvendo principalmente o continente asiático, com presença muito reduzida nos eventos anteriores.

A divulgação foi realizada através de duas malas diretas e mídia eletrônica com seis emails marketing, matérias específicas nos sites da ABMS- Associação Brasileira de Mecânica dos Solos e Engenharia Genetécnica.
A divulgação presencial foi realizada em eventos correlatos através de estande do WCCM 2012; no Brasil, em Búzios em 2009 e Ouro Preto em 2011. No exterior, em Paris, Sidney e Buenos Aires em 2010; Nanquim, Columbus, Ilha de Cos e Hanover em 2011 e Munique e Barcelona em 2012.

A dinâmica científica foi montada com sessões plenárias pelos maiores especialistas de renomadas universidades, institutos de pesquisa e centros de desenvolvimento da indústria mundial em Métodos Computacionais aplicados à Engenharia.

A partir dos eixos temáticos definidos pelo Comitê Científico, foram submetidos 2540 trabalhos com pré inscrição, provenientes de diversos países. Após a análise pelo comitê mundial de avaliação, foram aceitos 1974 abstracts e efetivamente apresentados no Congresso 1850 trabalhos. Contou com 36 palestrantes convidados que proferiram as palestras plenárias e semiplenárias.

Galeria de imagens
Local do Evento
E-mails
Divulgação em sites
Matérias em revistas, jornais e mídias específicas da categoria
Material gráfico para divulgação
Peças gráficas - material do participante
Papelaria
Materiais gráficos
   

 

O WCCM 2012 contou com 1952 participantes, sendo 1815 congressistas, 105 acompanhantes e 32 expositores, provenientes de 92 países, sendo o maior congresso científico de Engenharia já realizado no Brasil.

Congregou engenheiros, matemáticos e físicos das mais diversas qualificações, envolvidos profissional ou academicamente na aplicação e no desenvolvimento de métodos computacionais para problemas de engenharia que envolvam a Mecânica em todos os seus sentidos, como Mecânica dos Sólidos e dos Fluidos, Termodinâmica e Eletromagnetismo, contemplando tanto o lado acadêmico como as aplicações e a prática da Engenharia.

A Sessão de Abertura foi realizada na Sala São Paulo, Estação Júlio Prestes, antiga Estação de Trens da Estrada de Ferro Sorocabana, com apresentação da Orquestra de Câmara da ECA/USP – OCAM, regida pelo maestro Gil Jardim com o solista Gianluca Littera, seguida de coquetel com pratos quentes, enfatizando um bar de caipirinhas com a belíssima exposição de frutas tropicais brasileiras.
Essa sala é considerada uma das 5 melhores salas de concertos do mundo e sede da OSESP.

O Jantar do Presidente foi realizado na Churrascaria Barbacoa, com a participação dos plenaristas e membros do Comitê Mundial.

A Festa Brasileira foi realizada no salão E do TEC, próximo ao hotel, facilitando o deslocamento. O ambiente ficou extremamente agradável; o buffet com culinária brasileira, sucos e caipirinhas de frutas, ao som da Banda com show do Toquinho, escolhido por ser um cantor conhecido mundialmente, com grande sucesso não só no Brasil como também no Japão e em toda Europa. A festa foi finalizada com chave de ouro com a apresentação da Escola de Samba Rosas de Ouro

A montagem do congresso foi impecável e não houve intercorrência com alimentação, segurança ou transporte.

Após o Congresso, foi realizada uma reunião mundial da IACM em Ibiza, onde foi declarado formalmente que a abertura e a festa de encerramento do WCCM 2012, foram os melhores em toda a história dos WCCM.

Programa Científico do Congresso
As atividades científicas foram desenvolvidas através de:
378 Atividades Técnicas sendo:
340 Sessões Técnicas
28 Semi Plenárias
9 Plenárias
1 Simpósio Satélite e
171 Mini-Simpósios.

As sessões técnicas foram organizadas com os 1850 trabalhos, distribuídos em 26 sessões técnicas simultâneas, com 6 trabalhos em cada.

Em função da extensa grade científica, foram utilizadas 26 salas, sendo 16 salas de trabalhos do hotel e construídas mais 10 salas complementares no salão de Exposições, no sub-solo do HT, onde foram montadas também a sessão de pôsteres, a pequena exposição comercial, secretaria, servidos os coffee breaks e guarda volumes. O media desk e pronto atendimento ficaram localizados no piso superior.

Os países com maior participação foram: Brasil com 452 , EUA com 393, Japão com 219, França com 128 e Alemanha com 123, o que mostrou a força da comunidade brasileira no cenário internacional.

No total vieram 15% dos EUA, 31% da América Latina, 34% da Europa, 17% da Ásia e 3% da Oceania.

Dos 2540 trabalhos submetidos no WCCM 2012, foram aceitos 1974 trabalhos, após a seleção e análise efetuada pela comunidade científica internacional, através dos organizadores dos diversos minissimpósios. Foram avaliados eletronicamente por 330 pesquisadores, sendo 30 do Brasil e 300 estrangeiros, com aprovação obrigatória de pelo menos três consultores acionados.

Esse processo garantiu a boa qualidade dos trabalhos dentro dos padrões científicos internacionais. Os anais foram indexados por ISI, SCOPUS, ELSEVIER.

Cerca de 900 trabalhos integrais foram organizados em capítulos de um livro eletrônico publicado na forma de um CD. Este livro recebeu ISBN da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro e enviado à FAPESP.
A qualidade dos trabalhos integrais ficou valorizada pela liberdade de número de páginas e de ilustrações cedida aos autores.

Além disso, os 1850 trabalhos efetivamente apresentados, tiveram os resumos publicados na forma de livro impresso juntamente com o programa do congresso.

Houve redução no número final de participantes porque centenas de europeus, americanos e chineses foram obrigados a cancelar suas pré inscrições, mesmo com trabalhos aprovados, fundamental para a vida acadêmica, em função de aproximadamente 150 consulados brasileiros terem entrado em greve por semanas, acrescido pela crise econômica na Europa e do alto custo do Brasil.

O Congresso foi também prejudicado no Brasil, em função da greve das nossas universidades federais. Apesar do subsídio concedido aos alunos de graduação e pós-graduação e pesquisadores, o subsídio não pode ser aplicado em sua totalidade mas permitiu a participação de 125 alunos de pós-graduação brasileiros.

O planejamento estratégico foi elaborado com o dólar a R$ 2,37. Nesse período houve uma grande desvalorização chegando a R$1,60, gerando muitos obstáculos e adequações para mantermos as atividades programadas e divulgadas.

Por ser um evento acadêmico a participação empresarial (patrocínio e exposição) foi reduzida. Contou com a participação da Ansys/ESSS , Consórcio Brasília, Engevix, Embraer e Petrobrás.
Obteve também auxílios oficiais da FAPESP, CNPq, CAPES, EPUSP e da Pró-Reitoria de Pesquisa da USP.

Galeria de imagens
Sessão de Abertura na Sala São Paulo
Sessão de Abertura na Sala São Paulo
Sessão de Abertura na Sala São Paulo
Programa do concerto - sessão de abertura
Festa Brasileira no Transamérica Expo Center
Festa Brasileira no Transamérica Expo Center
Festa Brasileira no Transamérica Expo Center
Sinalização Indicatória distribuídas nos ambientes do Hotel Transamérica para facilitar a circulação
Convite Festa Brasileira - Encerramento
em cada sala, os participantes encontravam a programação do dia
Painéis, timetable com a programação geral e placa com os horários dos ônibus
Circulação
Salas construídas
Anais com o resumo de todos os trabalhos apresentados
Programa e certificado
       

 

Por ser um congresso científico, com atividades distribuídas em 26 salas simultaneamente, utilizamos o Media Desk para a centralização das apresentações e redistribuição das imagens às respectivas salas. Para isso, foram utilizados cabos de 100/1000 permitindo uma transmissão rápida de dados, mesmo se o apresentador chegasse no momento de sua apresentação, minimizando os eventuais atrasos.
Contamos também com projetores de 6.000 ANSILUMENS, com resolução de 1280 x 1024. Isso possibilitou que o palestrante não precisasse baixar as resoluções de seus computadores, quando utilizados.
Os púlpitos utilizados, agradáveis e funcionais, permitiam na face externa, a inserção da foto do apresentador, com o título de sua apresentação e internamente, tela de retorno.

Quanto a submissão de trabalhos e credenciamento prévio, pudemos contar com um sistema versátil e ágil . Os trabalhos foram submetidos de maneira fácil, sem nenhum transtorno, permitindo a inserção de imagens e tabelas sem limite de caracteres. O sistema permitiu a avaliação de dezenas de avaliadores de diferentes países, de forma prática e eficiente.
Isso possibilitou que a composição do programa científico baseada nos eixos temáticos, fosse otimizada sem sobreposição de apresentadores x temas.

Galeria de imagens
Mensagens de agradecimento e elogios ao evento
Mensagens de agradecimento e elogios ao evento
 

 

O congresso foi um grande sucesso, atingiu todas as metas científicas e gerou mídia espontânea com 8 diferentes matérias em distintos veiculos.
Frequentado por 1952 participantes, sendo 1475 estrangeiros gerando 2127 pernoites ao valor médio de US$ 180, representou uma receita de US$ 382,860.

O programa turístico pré e pós congresso gerou 15 viagens para Foz do Iguaçu, 27 para o Rio de Janeiro, 3 para o Amazonas e 1 para Brasília, com receita de aproximadamente US$ 8,820.

Os city tours opcionais foram adquiridos através da agencia oficial de turismo por 513 congressistas sendo: 179 tour downtown São Paulo,
125 tour Ibirapuera,117 city tours com museus de São Paulo e 92 day tryp representando aproximadamente US$ 92,340.

Contamos com 576 profissionais envolvidos diretamente em sua realização, em sua grande maioria autônomos, distribuídos entre receptivo de aeroporto, recepcionistas no congresso, media desk, empresa de montagem das salas e exposição, garçons e maitres
do buffet de abertura e jantar de encerramento, decoração ambiental, iluminação, limpeza para as atividades externas, segurança e pronto atendimento e choferes dos ônibus dos traslados diários e para as atividades sociais sem contar, obviamente, com o staff de funcionários do Hotel Transamérica.

Os materiais gráficos foram confeccionados em papel reciclável.
O lixo reciclado foi doado para uma cooperativa de catadores de materiais recicláveis de São Paulo. As sobras de material gráfico foram doadas para programa de reciclagem e as pastas para um educandário que atende crianças carentes de 2 a 6 anos.

 
  • contato: (11) 2538-4156 - (11) 7377-8878