Prêmio Caio Sustentabilidade

Prêmio Caio 19ª Edição

Case: PRÊMIO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA DE INOVAÇÃO EM SEGUROS 2017
Candidato: Bethe B Comunicação
Cliente: CNseg
Segmento: Eventos
Estado: RJ
 
Capa Apresentação Conteúdo Apresentação de inovações tecnológicas e estratégias indicando Desafios e Soluções Retorno sobre investimento, geração de negócios e outros indicadores econômicos

Fundada pela designer Bethe Barbosa há mais de 30 anos, a Bethe B comunicação nasceu com o propósito de desenvolver projetos multidisciplinares que maximizassem resultados de negócios através do design. Em sua segunda geração, unimos experiência à inovação, proporcionando ao cliente o atendimento 360º à todas as suas demandas, simplificando a gestão e conquistando um posicionamento único em todas as plataformas de comunicação e relacionamento com seus stakeholders.

Como criamos valor para as marcas?

A metodologia de desenvolvimento de projeto da Bethe B entende que eventos são experiências de marca que devem estar integrados às outras ações de comunicação, potencializando a pregnância da mensagem e o retorno dos investimentos. Nosso know how em estratégia, branding, comunicação visual e publicidade agregam valor às soluções desenvolvidas.

Com uma equipe de inteligência especializada no setor de seguros e desenvolvendo projetos para o mercado há mais de 16 anos, é parte expressiva de nossa experiência no segmento a parceria de 8 anos com a CNseg. Através de um projeto multiplataforma, que congregou análise estratégica, design e comunicação, possibilitamos a unificação da identidade visual e a construção de uma imagem de credibilidade, materializando o protagonismo do setor na economia e aproximando a Confederação dos seus públicos de interesse.

Com o objetivo de impulsionar e aprimorar as atividades do mercado através do reconhecimento de práticas inovadoras, a CNseg promove anualmente o Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros, que ocorre durante o Almoço de Confraternização do Mercado Segurador, com a presença das maiores lideranças do setor. O Prêmio hoje é sinônimo de prestígio profissional por reconhecer a capacidade criativa dos securitários, corretores de seguros e prestadores de serviços que alavancam a inovação do Setor.

Parceira do projeto desde a sua concepção, criamos a identidade visual do Prêmio, o conceito e a estratégia das campanhas de divulgação de todas as edições. Para integrar a campanha à cerimônia de premiação, a Bethe B também é responsável pela produção cenográfica e técnica da premiação, que é considerada o Oscar de inovação do universo de seguros.

Ficha Técnica do Evento:

Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros

Data: 13 de dezembro de 2017

Local: Hotel Copacabana Palace – Rio de Janeiro
Abrangência: Nacional

Vídeo


O setor de seguros tem dado passos largos e consistentes em sua contribuição para a economia e a sociedade brasileiras, que transitam para um novo ambiente digital baseado na vontade do cliente. Dessa contribuição integram, inclusive, as iniciativas de incorporação de recursos tecnológicos que vão ao encontro do comportamento do cidadão contemporâneo, que demanda processos de comunicação, relacionamento e atendimento mais ágeis e produtivos.

Nesse sentido, a Edição 2017 do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros contou com 89 projetos inscritos, que estavam alinhados à essa nova cultura social. Foram reunidas ações, tão variadas quanto atuais, voltadas para temas diversos como gestão de clientes e riscos; comunicação, ensino e capacitação; compensações pela emissão de dióxido de carbono; canais digitais e mídias sociais; mobilidade urbana; eficiência operacional; uso de drones; reciclagem de peças e inteligência artificial, entre outras.

Dando continuidade ao trabalho realizado ao longo de todas as edições, todo o planejamento e divulgação foi feito a 4 mãos junto a área de eventos da CNseg, para continuar alcançando números expressivos utilizando o budget 32% menor em relação à edição passada.

#MaisQueUmPrêmio:

Diferente das últimas edições, o conceito criativo criado para o Prêmio foi baseado nos resultados obtidos na pesquisa de opinião respondida pelos participantes da 6ª edição. Identificamos que a motivação para se inscrever ia além da premiação em dinheiro: os participantes buscavam destaque no mercado e, principalmente, a ascensão da sua carreira.

Para materializar esta ideia, criamos 5 imagens conceito que focavam no que o Prêmio proporciona a quem se inscreve. As narrativas criadas tinham como objetivo mostrar aos colaboradores do setor que o Prêmio podia ser o próximo passo da sua carreira, podia colocar suas ideias inovadoras em destaque no mercado, dar destaque frente aos líderes e autoridades e mostrar a todos como fazer a diferença neste setor.

Alinhada às novas tendências digitais, o slogan da campanha era a hashtag #MaisQueUmPrêmio que estava presente em todas as peças criadas durante o período de divulgação.

No o evento, a cenografia seguia a identidade visual desenvolvida para a campanha, trazendo sinergia e unicidade ao projeto.

Campanha de divulgação – sinergia entre o ON e OFF:

A campanha de divulgação 2017 foi lançada no dia 27 de abril com ênfase em estratégias de marketing digital para potencializar o alcance da comunicação do Prêmio. Para isso, foram desenvolvidos anúncios para Facebook Ads, Tweets patrocinados, Instagram Ads, Sponsored Contents no LinkedIn, banners net direcionados para os sites parceiros da CNseg e e-mails marketing disparados para mailings estratégicos. Além disso, as redes sociais do Prêmio eram alimentadas diariamente com conteúdos de interesse do público-alvo, para aumentar o brand awareness e angariar inscrições.

Uma das novidades da 7ª edição foi a ação com o Embaixador do Prêmio. Após o estudo e seleção de especialistas em inovação, o escolhido para dar voz ao Prêmio nas redes sociais foi Luis Rasquilha, CEO da Inova Consulting, da Inova Business School e da RWear. Professor convidado da FIA. Colunista da Radio CBN. Autor e co autor de 18 livros técnicos sobre marketing, comunicação, futuro, tendências e inovação.

No período de inscrições, Raquilha desenvolveu diversos conteúdos como pílulas de inovação em formato de vídeo, materiais que desmistificavam a inovação e um webinar onde Rasquilha falou sobre o tema e tirou as dúvidas dos colaboradores do setor ao vivo.

Já a divulgação offline contou com a disseminação de cartazes informativos nas seguradoras e entidade parceiras, além de road shows que apresentavam a iniciativa e incentivavam a participação no Prêmio nas empresas. Como estratégia diferenciada dessa edição, criamos a ação do Embaixador da Inovação dentro das empresas: ao mapear a importância dos profissionais de RH e marketing para incentivar os colaboradores das diversas áreas a se inscreverem, a Gerência Executiva do Prêmio selecionava uma pessoa para ser o Embaixador e receber materiais para incentivar seus colegas a participar.

Pré-evento:

Com o sucesso da campanha de divulgação e o ótimo resultado alcançado, a Comissão Julgadora teve o desafio de selecionar os 15 melhores cases dentre os 79 habilitados pela Gerência Executiva na primeira etapa da avaliação dos projetos para que, em uma segunda etapa, os autores e coautores finalistas defendessem seus cases perante os jurados, que, selecionaram os 9 vencedores anunciados na cerimônia de premiação.

Durante esse período, todos os esforços de comunicação do Prêmio (e-mails marketing e posts nas redes sociais) foram pensados de forma a gerar expectativa para o anúncio dos vencedores.

Comunicação visual e projeto cenográfico:

O contemporâneo da comunicação visual, decoração e recursos tecnológicos utilizados no evento contrastavam de forma harmônica com a arquitetura tradicional do Copacabana Palace, valorizando o que cada uma das partes tinha de mais interessante. No palco, reproduzimos em grande escala o personagem característico do Prêmio, que está presente na logo e no imponente troféu. Além disso, todas as iniciativas para desenvolvimento do setor estavam em destaque nos pórticos que uniam os três salões do almoço. Todas as áreas do evento eram sinalizadas de forma a direcionar os convidados.

O evento:

A premiação, que ocorre durante ao Almoço de Confraternização do Mercado Segurador, teve sua dinâmica estrategicamente pensada: as diretorias da Federações e da CNseg se reuniram na parte da manhã para realizar as reuniões de fechamento anual.
Posteriormente, esses e outros profissionais do mercado eram recepcionados no Salão Nobre, onde realizavam o credenciamento eletrônico e podiam guardar os seus pertences no Guarda-Volumes. Na sequência eram direcionados para o Golden Room, onde se reuniam para o coquetel que antecedeu a solenidade.

Em seguida, as recepcionistas guiavam os convidados para os salões Palm, Cristal e Gallery, onde ocorreu o almoço e a premiação. Essa estratégia foi pensada de forma a integrar os líderes do mercado e destacar os talentos do setor, que percorriam o grande tapete central quando a sua colocação era anunciada pela mestre de cerimônia.

Todos os vencedores do Prêmio receberam o troféu e o cartão com a premiação em dinheiro das mãos dos presidentes da CNseg e Federações, sempre aplaudidos pelos presidentes de suas empresas, um momento único na carreira dos profissionais. Muitos, antes dessa oportunidade, nunca tinham apertado a mão dos CEOs das corporações onde trabalham.

Os vencedores:

- Categoria Comunicação:

Na categoria Comunicação, o grande vencedor foi o case “Campanha de Compensação de CO2”, de Flávia Varga, em coautoria com Isabel Braga, Tatiana Cerezer, Maria Cecília Pinheiro, Nikolaus Steve Maack e Inacio Alves de Araujo Junior do Grupo Segurador Banco do Brasil e Mapfre.

A campanha vencedora teve o objetivo de promover a conscientização ambiental entre os clientes do Grupo Segurador Banco do Brasil e Mapfre e a sociedade. Para cada apólice de seguro de automóvel contratada durante o mês de junho, a seguradora se comprometeu a compensar as emissões veiculares de CO2 (dióxido de carbono) geradas durante o período de um ano. A compensação das emissões foi feita por meio da compra de créditos de carbono, com base em metodologia de empresa especializada na área. O valor da cota adquirida, por sua vez, foi investido em projeto de recuperação e conservação ambiental.

O 2º lugar ficou com o projeto “Comunicação Digital — Case do IRB Brasil RE no Mercado de Resseguros”, de Natalia Gomes Soares, em coautoria com Daniele Sibucs e Susana Ramos do IRB Brasil Re.

O projeto apresentou a estruturação da comunicação digital do IRB Brasil RE, com base numa estratégia de construção de marca e proximidade com seus públicos, que está sendo desenvolvida a partir da divulgação criteriosa de conteúdos sobre a empresa, seus valores e crenças, os projetos que patrocina e suas linhas de negócio. Por meio de seus canais digitais, a companhia tem alcançado resultados muito acima da média geral do Mercado de Resseguros Brasileiro, que tem como característica o uso ainda pouco consistente das redes sociais.

O case “Next5” de Luis Felipe Hissa Brussolo da Liberty Seguros foi o 3º colocado na categoria Comunicação.
O Next5 é o modelo de exploração, desenvolvimento e divulgação da Liberty Seguros. O projeto apresenta 27 tendências globais que modelarão o futuro dos negócios da companhia nos próximos cinco anos: de mudanças sociais a tecnologias exponenciais que podem afetar a forma como se vive, trabalha e faz negócios.

- Categoria Processos:

O 1º lugar em Processos e Tecnologia foi o projeto “Reembolso Digital”, de Fabiano Carraro, em coautoria com Tatiana Ferreira, Mila Mabelini, Felipe Moreno, Ricardo Prates e Alexandre Putini da SulAmérica Companhia de Seguro Saúde.

O objetivo principal do projeto foi aprimorar a experiência do cliente com o reembolso de consultas médicas. O processo foi efetuado por meio de fotografias e documentos fiscais, enviados pelo cliente via telefone celular, garantindo segurança, agilidade e qualidade no serviço prestado.

Em 2º lugar ficou o projeto “Auto Vistoria – Atendimento por Imagem”, de Marcos Chiconelli Bailer, em coautoria com Anderson de Souza da Liberty Seguros.

O Auto Vistoria utiliza um modelo matemático para agilizar as fases de definição, avaliação e aceitação do risco. O processo permite a opção pela realização ou dispensa da vistoria. O uso de uma ferramenta web simplifica e agiliza a realização deste processo, que pode ser aplicado a todos os tipos de vistorias, não se limitando ao ramo automóvel.

E o projeto “TI Colaborando para a Disponibilidade das Operações do Negócio”, de Rodrigo de Freitas Sampaio de Melo, em coautoria com David Gomes e Alvaro Ribeiro da Bradesco Seguros ficou com o 3º lugar.

O projeto estava voltado para a implementação de soluções que integram pessoas, processos e tecnologias de monitoração para municiar as equipes de TI com os recursos necessários para uma atuação rápida e efetiva nos casos de incidentes. A ideia é assegurar disponibilidade e desempenho das aplicações e infraestrutura de TI.

- Categoria Produtos & Serviços:

Na categoria Produtos & Serviços, os jurados reconheceram o pioneirismo do projeto “Seguro Equipamentos de Mobilidade”, de Cláudio Pellegrin Quaglia, em coautoria com Michel Donizete Pereira da Sompo Seguros.

O produto foi desenvolvido para promover a inclusão de pessoas com necessidades especiais/mobilidade reduzida à cultura de seguros. Customizado, exclusivo e com assistência 24 horas, foi criado para um público carente de produtos de seguro. Traz um compromisso de responsabilidade social, que permite associar a imagem da Sompo Seguros com a inovação e o bem-estar da sociedade e de todos os cidadãos.

Já o case “Consulta Médica à Distância”, de Michele Ferreira Freitas de Andrade da Bradesco Saúde conquistou o 2º lugar.

O projeto faz uso da telemedicina, propondo a realização de consultas por meio de videoconferência como forma de ampliar o atendimento em locais com carência de especialidades médicas e de reduzir a superlotação em prontos socorros. Promove a saúde dos clientes, a qualidade no atendimento e preserva a estrutura de custos, minimizando a remuneração elevada em regiões com insuficiência de especialidades médicas.

E o 3º lugar ficou com o projeto “Instrumentos Ligados a Seguros (ILS) Alpha Terra Validus I”, de Rafael Delvaux Gersely, em coautoria com Rodrigo de Souza Lobo Botti da Terra Brasis Resseguros.

O projeto mostra, por meio da emissão do 1º Instrumento Ligado a Seguros brasileiro, uma solução de capacidade adicional para a mitigação de riscos. Demonstra, também, como o Brasil pode oferecer proteção àqueles que ainda não têm o benefício do seguro para enfrentar a evolução dos riscos atuais. O lançamento do ILS Alpha Terra Validus I configura um ponto de inflexão por ser pioneiro na busca por compartilhamento de riscos e integração entre os mercados financeiro e de seguros.

Galeria de imagens
A campanha de divulgação foi baseada na pesquisa de opinião respondida pelos participantes em 2016
As imagens conceito focavam no que o Prêmio proporciona a quem se inscreve
Materiais de divulgação foram enviados às empresas parceiras do Prêmio
E-mails marketing customizados para públicos diversos foram enviados durante a campanha
Banners net foram divulgados nos sites parceiros da CNseg
Luis Rasquilha, embaixador do Prêmio 2017, desenvolveu diversas ações nas redes sociais na campanha
Os embaixadores da inovação receberam uma série de materiais para incentivarem seus colegas
Os líderes e os vencedores eram recebidos no credenciamento
Os convidados eram direcionados ao Golden Room, onde se reuniam para o coquetel
Em seguida, as recepcionistas guiavam os convidados para os salões onde ocorria o evento
Na abertura do evento, Marcio Coriolano comprimenta os convidados em seu discurso
Os vencedores recebiam o troféu e a premiação em dinheiro dos líderes do mercado
Os grandes vencedores da 7ª edição do Prêmio Inovação em Seguros
A Diretora de Eventos da CNseg faz o seu discurso
O imponente palco de premiação
     

 

- Como ter uma performance de campanha superior com budget significativamente menor que o ano anterior:

Dentre os desafios dessa edição, acreditamos que o maior deles era ter uma divulgação predominantemente digital para maximizar o retorno dos investimentos. O planejamento de mídia online selecionou ferramentas que apresentavam afinidade com o público-alvo, além de oferecer a possibilidade de filtros de perfil e interesses específicos, possibilitando que atingíssemos o target de maneira assertiva.

- Como integrar os salões da premiação de forma que os convidados que ficassem no Salão Palm não se sentissem desprestigiados?

Do ponto de vista cenográfico, os grandes pórticos que arremataram as estruturas dos salões camuflaram as portas divisórias, dando imponência e unidade ao espaço. Grandes telas de LED transmitiam a premiação, gerando a sensação de proximidade para os convidados. Além disso, os finalistas foram posicionados em mesas especiais no Palm, de forma a dar prestígio ao salão e fazendo com que eles percorressem o grande tapete central no momento em que eram chamados ao palco.

- Como tornar acessível um evento fechado ao público?

Repetindo o sucesso da ação na edição passada, mais uma vez transmitimos ao vivo a premiação para os fãs da página do Prêmio, que puderam acompanhar em tempo real o anúncio dos vencedores da 6ª edição. Buscando aprimorar a transmissão, utilizamos a plataforma da Evential, que contou com mais de 700 visualizações.

https://www.eventials.com/cnseg/cerimonia-de-entrega-do-premio-de-inovacao-em-seguros-2017/

- Como transformar uma publicação tradicional do evento em um conteúdo digital?

Alinhado à política da Confederação em minimizar os impactos ao meio ambiente, nesta edição fomos desafiados a transformar o livreto com os resumos dos cases, que antes eram distribuídos durante a cerimônia, em uma publicação totalmente digital, com uma interface interativa para melhor experiência dos usuários. Para estimular o download, inserimos um QR Code nos displays de mesa.

Galeria de imagens
Grandes telas de LED transmitiam a premiação, gerando a sensação de proximidade para os convidados
O evento foi transmitido ao vivo para os fãs da página
O livreto podia ser baixado via QR CODE ou no site do Prêmio
Os grandes pórticos que arremataram as estruturas dos salões davam imponência e unidade ao espaço
 

 

Ano a ano, o Prêmio de Inovação em Seguros vinha colecionando números promissores e sua 7ª ficou marcada pela pluralidade e qualidade dos projetos inscritos.

Em uma edição onde conseguimos angariar bons resultados mesmo com um budget inferior à campanha de 2016, contamos com 89 projetos inscritos, 255 profissionais envolvidos e cerca de 50 empresas do mercado participando.

1ª edição – 2011: 19 projetos inscritos
2ª edição – 2012: 20 projetos inscritos
3ª edição – 2013: 58 projetos inscritos
4ª edição – 2014: 82 projetos inscritos
5ª edição – 2015: 56 projetos inscritos
6ª edição – 2016: 137 projetos inscritos
7ª edição – 2017: 89 projetos inscritos

Somando todas as edições, foram 461 ideias inovadoras em evidencia no mercado segurador!

- Porque o Prêmio Inovação em Seguros é #MaisQueUmPrêmio:

Dando continuidade a nossa campanha de comunicação, os vencedores contaram por que achavam que o Prêmio era mais que um prêmio:

“Eu acho que é mais que um Prêmio porque ele fomenta a busca do mercado em oferecer melhores produtos e serviços para os segurados” – Fabiano Carraro, autor do Projeto “Reembolso Digital”, 1º lugar na categoria Processos e Tecnologia.

“O prêmio incentiva não pelo dinheiro, mas pelo desafio de fazer algo novo. Você se baseia no que os colegas estão fazendo pensa – eu também posso!” – Marcos Chiconelli Bailer, 2º lugar na categoria processos com o projeto “Auto Vistoria – Atendimento por Imagem”.

“O Prêmio de fato consegue fazer diferença dentro das empresas. Ele cria um efeito catalisador que beneficia o mercado como um todo.” - Rodrigo de Freitas Sampaio de Melo, autor do projeto “TI Colaborando para a Disponibilidade das Operações do Negócio”, 3º lugar na categoria Processos.

“Mais que um prêmio justamente porque estimula o setor a se renovar. O mercado de seguros precisava de uma iniciativa como essa que eu tenho convicção que vai trazer bons frutos para o mercado.” - Cláudio Pellegrin Quaglia, autor do projeto vencedor na categoria Produtos & Serviços, “Seguro Equipamentos de Mobilidade”.

“Acho que é mais que um prêmio por que diante do cenário econômico atual, de fato a gente precisa fazer algo inovador para continuar promovendo o mercado de seguros no Brasil. O prêmio agrega valor para que a gente possa fazer o nosso trabalho de forma bem feita, trazendo benefícios para todos.” - Michele Ferreira Freitas de Andrade, autora do case “Consulta Médica à Distância”, que conquistou o 2º lugar na categoria Produtos e Serviços.

“É mais quem um prêmio porque fala sobre o futuro da indústria. Se o mercado não renovar, vai perder os novos consumidores. Pensar no futuro é a nossa sobrevivência.” - Flávia Varga autora do case vencedor na categoria Comunicação “Campanha de Compensação de CO2”.

“Mais que um prêmio porque é um reconhecimento, mas o que vale é o projeto. O importante é fazer acontecer dentro do mercado e esse prêmio incentiva que isso ocorra. Por isso ele é tão valioso.” - Natalia Gomes Soares, autora do projeto “Comunicação Digital — Case do IRB Brasil RE no Mercado de Resseguros”, 2º lugar na categoria Comunicação

“Com o prêmio as áreas estão parando para pensar que muitas coisas que elas fazem no dia a dia são inovações. O prêmio é essencial para o setor.” - Luis Felipe Hissa Brussolo autor do case “Next5”, 3º colocado na categoria Comunicação.

- Retorno de mídia espontânea:

Destaque nos principais veículos do tarde, a edição 2017 do Prêmio foi amplamente divulgada e contou com a presença de mais de 400 líderes e autoridades do setor.

Galeria de imagens
Após a premiação, os vencedores exibem orgulhosos os seus prêmios
Os líderes do setor comemorando junto aos vencedores
         

 

 

Compartilhe: Twitter Facebook Linkedin Plaxo Youtube